Terapia Lecton

A TERAPIA LECTON provoca uma hidrogenização celular em inúmeras fontes dentro do próprio organismo, detectados no soro ou no plasma de indivíduos normais, e a variação dos níveis habituais pode ser correlacionada com uma série de estados patológicos.

A determinação do hidrogênio nos níveis séricos de enzimas auxiliando diagnósticos clínicos, já é praticado há mais de cinqüenta anos.

Pesquisas actuais revelam que a falta de hidrogénio nas células provoca a sua morte, sendo que as enzimas fabricam seu próprio hidrogénio necessário ao movimento celular. A TERAPIA LECTON ativa o hidrogénio provocando uma reactivação e renovação celular através de um processo de direcção de hidrogénio (hidrogenação) adequado às necessidades daquela determinada célula.

O ajuste do organismo com sistema de elétrons se qualifica em calibradores enzimáticos através do processo de hidrogenação para as células preservarem suas funções normais e a circulação do plasma dar-se de forma normal equilibrando todo o sistema.
A função terapêutica do LECTON é simples e objectiva, nada é introduzido no corpo humano (processo não-invasivo).
A TERAPIALECTON auxilia tratamentos específicos, trabalhando com as propriedades energéticas do próprio organismo do indivíduo, reativando as células cansadas do corpo humano. Trabalhando, também, os distúrbios de energia do corpo, auxiliando no equilíbrio das funções emocionais. Desta forma ajuda no tratamento de: